Análise: o eterno retorno do cansado Botafogo que precisa de solução para um conhecido problema

0
45

O título desta análise pode parecer difícil de entender no primeiro momento, mas pode acreditar que vai fazer sentido quando você chegar no fim. No empate em 0 a 0 do Botafogo com o Bangu, foi possível ver um problema que assolou o clube no início da temporada passada: a falta de criatividade. O time de Paulo Autuori muitas vezes sofria para conseguir criar jogadas de perigo e isso se passava pelo sumiço de Bruno Nazário na época. Pois bem, o mesmo aconteceu no último sábado, desta vez com Marcinho na vaga do camisa 10.

Os três jogos em sete dias – incluindo aí uma viagem de quase cinco mil quilômetros para ir e voltar do Maranhão – desgastaram a equipe alvinegra que mal teve tempo para se recuperar do fim da temporada passada. O cansaço teve clara influência no resultado e também serviu para evidenciar a necessidade de o Botafogo ser mais criativo em campo.

Assim como na goleada contra o Moto Club pela Copa do Brasil, Marcinho atuou improvisado na função de meia, mas não deu certo. Com a saída de Nazário, ficou a cargo do atacante jogar na posição, porém falta a ele o cacoete de meia para conseguir passes que deixem os companheiros na cara do gol. Em entrevista coletiva virtual depois da partida, Marcelo Chamusca comentou sobre a necessidade de um atleta com as características de pensar mais o jogo. 

– Existe a expectativa (de contratação de um meia), até pela saída do Nazário. A gente está analisando jogadores com características que possam jogar por dentro, trabalhar na construção junto dos volantes. Hoje temos dois com essa característica, e o Marcinho já jogou por dentro comigo no Cuiabá, Goiás e no Sport. É um jogador que apesar de jogar mais como extremo cumpre muito bem a função, sabe se posicionar, tem boa leitura de ocupação de espaço… Hoje recebeu umas bolas interessantes, atacando a última linha do adversário. 

Apesar de ter mostrado vontade no início do primeiro tempo, quando apertou a marcação e pressionou o Bangu no campo de defesa, o Botafogo não foi capaz de furar a defesa do adversário quando tinha a bola no pé. Prova disso foi que as melhores chances no primeiro tempo saíram de jogada individual de Ênio e em cabeçada de Marcelo Benevenuto após cobrança de falta de Matheus Frizzo. 

Frizzo, aliás, foi o melhor do Bota em campo na noite de sábado. O meio-campista entrou no lugar de Pedro Castro, que sentiu dores no joelho esquerdo, ainda no primeiro tempo e deu boa dinâmica aos alvinegros enquanto teve gás. Quando o fôlego terminou – o que é totalmente compreensível por se tratar de início de temporada e da sequência desgastante – o Bota caiu de produção. 

Matheus Frizzo entrou no primeiro tempo e foi o melhor do Botafogo na partida — Foto: Vitor Silva/Botafogo

Matheus Frizzo entrou no primeiro tempo e foi o melhor do Botafogo na partida — Foto: Vitor Silva/Botafogo 

Um ponto positivo a se destacar do empate é que assim como pouco ameaçou, o time de Marcelo Chamusca também não sofreu. Aliás, este foi o quarto jogo seguido que os comandados do baiano não sofreram nenhum gol. Para efeito de comparação, na temporada passada o Botafogo teve apenas uma sequência de três jogos seguidos sem ser vazado. A rápida arrumação defensiva é algo a ser destacado no trabalho de Chamusca. 

Para evitar que a história se repita, que ela seja cíclica e que o eterno retorno se faça presente no Botafogo, o técnico precisará encontrar uma forma de fazer seus comandados criarem mais. Principalmente nas circunstâncias do jogo do último sábado, em que o adversário estava bem recuado e jogando nos contra-ataques. A tendência na Série B é que seja o Bota o time a propor o jogo.

Claro que isso é algo que demanda tempo e entrosamento. Esta será a primeira vez que Chamusca uma semana livre para poder treinar a equipe antes do próximo jogo desde que chegou ao clube. O próximo jogo do Botafogo é contra o Vasco, sábado que vem, em São Januário, às 18h (de Brasília). Provavelmente será uma partida mais aberta, até porque os rivais ainda não venceram no Estadual.

Fonte: ge

TODOS OS DETALHES SOBRE O JOGO | CLIQUE, ASSISTA, COMENTE, SE INSCREVA E DEIXE SEU LIKE!


FalaGlorioso.Club | Loja com mais de 100 Produtos do Botafogo. Acesse!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui