Barroca diz acreditar em salvação do Botafogo e pede reunião com diretoria

0
68

Visivelmente abatido após a incontestável derrota por 3 a 0 diante do Vasco, o técnico Eduardo Barroca foi bastante claro ao reconhecer a gravidade da situação do Botafogo na luta pela permanência na Série A. O técnico revelou que a partida de ontem (10) era vista internamente como um divisor de águas e afirmou que terá uma reunião com a diretoria do clube, hoje (11), para que “ações sejam tomadas” sobre o futuro do clube a curto, médio e longo prazo.

“Eu cheguei a conversar com a direção sobre esse jogo contra o Vasco ser um divisor de águas para que pudéssemos ou não pensar em nosso planejamento para 2021. Com esse resultado, obviamente, meu interesse é de voltar a conversar com a direção já amanhã (10). Acho que o Botafogo tem totais condições de reverter essa situação. Acredito nisso como treinador e vou trabalhar muito para que isso aconteça, mas diante do ano que tivemos, diante de todos os desequilíbrios, que são claros, das tentativas constantes de reverter essa situações, não podemos perder mais muito tempo. Precisamos conversar imediatamente sobre nosso futuro a curto, médio e longo prazo. Devo ter essa conversa amanhã, para que a gente tome algumas ações”, disse.

Ao comentar sobre a declaração do lateral esquerdo Victor Luis, que pediu um maior comprometimento por parte do elenco alvinegro, o técnico não apenas concordou com o jogador, como complementou a observação dizendo que tem evitado até pedir comida via delivery “para não encontrar com o entregador” e ressaltou que o momento pede vergonha e trabalho.

“Não vi a entrevista do Victor mas, se ele disse isso, está coberto de razão. A gente precisa se dedicar ao máximo. Chegar cedo, ir embora tarde. Debater todos os pormenores para que a gente ache soluções para o que está acontecendo em campo. Eu, por exemplo, não tenho nem coragem de pedir comida na minha casa para não encontrar com o entregador. O momento é de sentir na pele, de ter vergonha e trabalhar muito. Dedicação total ao clube”.

Por fim, Eduardo Barroca se apegou à matemática para apontar que o Botafogo ainda tem chances de permanecer na Série A, mesmo estando nove pontos atrás do Fortaleza, primeira equipe fora da zona de rebaixamento, a nove rodadas do fim da competição.

“Matematicamente, ainda é possível. Temos 27 pontos em disputa. Nesse momento, não é minha fala que irá dar o conforto ao torcedor. Eu preciso trabalhar, preciso cobrar, encontrar soluções. Não só eu, todos nós: jogadores, comissão técnica, direção… Precisamos reverter uma adversidade que vem desde o início da temporada. Não estamos conseguindo os resultados dentro de campo, mas não adianta eu chegar para o torcedor e dar uma justificativa oral. A gente precisa é transferir tudo o que trabalhamos no dia a dia para dentro de campo e superar os adversários. É muito simples. Só assim a gente vai conseguir jogar bem, pontuar e brigar pelo nosso objetivo”, concluiu.

O Botafogo volta a campo no domingo (17), quando enfrentará o Santos, na Vila Belmiro, às 16h (de Brasília). O clube da Estrela Solitária ocupa a 19ª colocação, com 23 pontos em 29 jogos.

Fonte: UOL

FalaGlorioso.Club | Loja com mais de 100 Produtos do Botafogo. Acesse!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui