Blog cita Botafogo como exemplo de “Boi Gordo” e “Avestruz Master” ao fechar Patrocinador

0
56

Recentemente, vários patrocinadores reagiram à contratação de Robinho e ameaçaram retirar o apoio se o acordo não fosse desfeito.
A diretoria do Santos recuou e o jogador não vai vestir a camisa do clube.
Os motivos já são conhecidos por todos.
As empresas não quiseram “arranhar a imagem”.
O oposto também deve ser rigorosamente observado.

Os clubes precisam avaliar com muito cuidado antes de colocar “marcas” em suas camisas.
Quero dar o exemplo do Botafogo , mas vale para todas as demais agremiações…
O clube da “Estrela Solitária” foi fundado em 1904, no Rio de Janeiro.
Sua história é rica , mesmo – como tantos outros – tendo enfrentado administrações desastrosas.
Jogadores espetaculares vestiram sua camisa.
Uma camisa que representa milhões de torcedores no Brasil, não pode  receber um “patrocinador” complicado ou sem a segurança de que os produtodos anunciados são confiáveis.

O último patrocinador master do Botafogo, o Azeite Royal – informa o jornalista Diego Mesquita -” foi alvo da Lei. O empresário Eduardo Giraldes, dono da marca, é acusado de fraude e associação criminosa . Giraldes recorre em liberdade até decisão da 2a. instância. ”
Agora , o novo patrocinador master, é a QVE Brasil, que foi criada em 2020 e teve sua autorização cassada pela ANVISA. Uma das promessas da empresa é eliminar 99% dos vírus.

O Botafogo suspendeu a divulgação da marca até que a empresa consiga regularizar a sua situação com orgãos fiscalizadores.
É comum encontrar vários patrocinadores com suas marcas aplicadas nas camisas dos clubes.
Clubes não “investigam” as empresas patrocinadoras . Algumas, são inteiramente desconhecidas e os contratos com as agremiações não recebem nenhum prêmio de transparência…

A imagem clube/patrocinador ultrapassa os muros dos estádios.
Agir em sintonia com as regras (compliance) vale para os dois lados.
É estar absolutamente em linha com as normas, controles internos e externos , “além de todas as políticas e diretizes para o seu negócio” .
Todo cuidado é necessário para evitar que clubes joguem com o anúncio , por exemplo, de empresas imitadoras das “Boi Gordo” ou “Avestruz Master” …

*A Avestruz Master foi uma empresa que fornecia contratos de venda e compra de avestruzes com a honra de recompra dos animais em esquema de pirâmide financeira. Foi também uma das maiores fraudes financeiras ocorridas no Brasil.

*O esquema de Engorda de gado nas Fazendas Reunidas Boi Gordo, conhecido simplesmente como Boi Gordo, foi um dos maiores casos de pirâmide financeira já ocorridos no Brasil.

Fonte: Blog do Wanderley Nogueira, JP

FalaGlorioso.Club | Loja com mais de 100 Produtos do Botafogo. Acesse!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui