Bota segue em busca de um treinador

0
47

O principal problema no momento é a falta de comando no futebol. O clube ainda não fechou com um novo técnico e tem o time treinado pelo preparador de goleiros, Flávio Tenius, e pelo auxiliar recém-chegado, Lúcio Flávio. Há preocupação com a sequência no Brasileirão e a proximidade da zona de rebaixamento. Além da exposição desses profissionais. 

Enquanto isso, a busca no mercado segue. A bola da vez é César Farías, técnico da seleção boliviana, mas a negociação se tornou difícil porque a federação local não quer liberar o treinador. A diretoria alvinegra esperava uma resposta final até a noite dessa terça, mas as conversas devem se estender um pouco mais. 

Agora, o Bota precisa decidir se pode ter paciência na negociação por Farías ou se precisa partir para uma alternativa. A Bolívia joga pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 nos próximos dias 12 e 17. 

Treinador comanda a Bolívia desde 2018 — Foto: Kyle Ross/Getty Images

Treinador comanda a Bolívia desde 2018 — Foto: Kyle Ross/Getty Images 

Recentemente, o clube recebeu algumas negativas de técnicos brasileiros, como Roger Machado, Lisca e Marcelo Guimarães. O que, junto do orçamento apertado, leva a procura ao mercado internacional. Antes de Farías, o Botafogo tentou o argentino Daniel Garnero. 

As negativas acendem o alerta e mostram o receio dos treinadores de assumirem um clube com tantos elementos negativos fora das quatro linhas. Quem aceitar o chamado, terá não só o desafio de dar competitividade e mostrar resultados em campo, mas também ajudar a blindar o elenco do incêndio nos bastidores. 

As demissões recentes e as tentativas no mercado, como a reunião com Alexandre oGallo, dificultam a busca pelo novo nome. 

Fonte: ge

FalaGlorioso.Club | Loja com mais de 100 Produtos do Botafogo. Acesse!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui