Botafogo precisa quebrar tabu em Volta Redonda para sonhar com semifinal

0
140

Botafogo decidirá seu futuro no Campeonato Carioca nos dois próximos jogos, diante de rivais fortes e que hoje estariam na semifinal da Taça Guanabara, o primeiro turno do Estadual. Neste sábado, às 21h05, tenta derrubar um pequeno tabu no estádio Raulino de Oliveira, onde não ganha do vice-líder Volta Redonda desde 2013. Vencer significa dormir no quarto lugar antes do confronto direto com o Fluminense, hoje seu maior rival na luta pelo G4. 

O time de Marcelo Chamusca perdeu nas duas últimas visitas ao Volta Redonda. Antes, vinha de empates por 1 a 1 e 2 a 2. Não ganha do rival no Raulino de Oliveira desde abril de 2013, quando fez 1 a 0 também pelo Estadual. 

Quebrar esse pequeno jejum de quatro jogos sem triunfos se tornou obrigação depois de série de tropeços no Estadual. Um novo deslize e o clube terá de se contentar por briga para ficar entre os oito que disputam a Taça Rio. Em resumo, um fracasso nesta primeira fase. 

Para piorar, Chamusca ainda perdeu seu goleador. Negociando com outros clubes e praticamente fora do Botafogo, o centroavante Matheus Babi ainda terá de cumprir suspensão diante do Volta Redonda. Nem deve voltar com o interesse de Fluminense e Athletico-PR. 

Sem mistérios, o treinador optou por Rafael Navarro na posição, já que não tem outro 9 de ofício no grupo. Apesar de o jogador estar acostumado a jogar na área, Chamusca deve optar por um ataque flutuante e mais leve para tentar pôr fim à excelente fase do adversário.

Com 11 pontos e na quinta colocação, os comandados de Chamusca ultrapassam o Fluminense, com 13, que só joga no domingo, caso vençam. Mas um simples empate do time tricolor e o Botafogo volta a deixar o G4. Contudo, as equipes se encaram na próxima rodada em “decisão” pela semifinal. 

Fazendo excelente campanha na Taça Guanabara, o Volta Redonda necessita de apenas um empate diante do Botafogo para carimbar a classificação às semifinais. De quebra, ainda dormiria na liderança, pois está igualado em pontos com o Flamengo. 

A meta do técnico Neto Colucci é manter o ótimo desempenho em casa nesta edição do Carioca, na qual ganhou quatro e empatou uma. O treinador não terá o zagueiro Gabriel Pereira, suspenso. E tenta se redimir da surpreendente queda na Copa do Brasil, com derrota nos pênaltis diante do Juazeirense, depois de fechar o primeiro tempo vencendo por 3 a 0. 

“Independentemente do adversário, em casa temos a obrigação de vencer e, com muita inteligência, vamos buscar esta importante vitória, que nos garantirá vaga na semifinal”, avisou o treinador.

Fonte: Futebol Interior

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui