Chamusca defende transpiração do Botafogo em trajetória na Série B

0
77

Marcelo Chamusca é experiente quando o assunto é acesso. Em sua carreira, o atual treinador do Botafogo conseguiu subir clubes em todas as divisões do Campeonato Brasileiro. Na Série B, a avaliação dele é de que a parte física se sobrepõe à técnica.

“A Série B sempre teve essa característica de ser uma competição de muita transpiração. Está muito atrelado a questão de campo, logística, sequência de jogos, poder de investimento das equipes”, analisou. “Então, é muito importante você competir no nível que a competição pede”, disse.

Além da parte física, Chamusca elencou outros elementos essenciais para a volta à elite do futebol. “Os times mais organizados, com suas mecânicas de jogo mais consistentes, mais padrão, mais elenco para rodar —porque a competição exige isso— vão chegar, principalmente na reta final, com mais chance de acesso”.

Por conta disso, o treinador exaltou o triunfo por 1 a 0 sobre o Vitória na quarta-feira (30), mesmo com uma atuação abaixo da expectativa. O resultado positivo interrompeu a sequência de duas derrotas seguidas. Agora, o treinador tenta embalar contra o Avaí, em confronto às 21h deste domingo (4).

A equipe carioca está na sétima colocação e tem 11 pontos, a quatro do G-4. Já o Avaí, com um ponto a menos que os botafoguenses, chega à nona rodada na décima posição da tabela. O time catarinense vem de duas vitórias seguidas na competição, sobre CRB e Londrina.

Estádio: Ressecada, em Florianópolis (SC)

Horário: 21h (de Brasília) deste domingo (4)

Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)

Transmissão: Premiere

Fonte: UOL

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui