Chay vê grupo do Botafogo ‘fechado’ com Enderson, mas garante: ‘Ainda tem muito do Chamusca’

0
89

Vivendo uma fase complicada na Série B, o Botafogo resolveu mudar de treinador e iniciar um novo trabalho, com um novo técnico e com novas ideias de jogo. Desde que Enderson Moreira assumiu o posto ocupado anteriormente por Marcelo Chamusca, o Glorioso embalou três vitórias e voltou para o grupo de equipes que brigam por uma vaga no G4. Apesar do retorno positivo na tabela, o meia-atacante Chay não aponta erros do antigo comandante.

“Acho que ainda tem muito do Chamusca aqui. Compramos a ideia do Enderson, com certeza, senão não daria certo. Mas ele não teve nem tempo de trabalho e treinamento. Compramos a ideia nas conversas e nos vídeos que são passados. Éramos aguerridos, mas acho que era mais uma questão nossa, não tem a ver com o treinador. Estávamos sendo desatenciosos e as coisas desandavam, a gente fazia os gols e dormia em alguns momentos que não podia e isso foge do controle do treinador. A gente abraçava a ideia do Chamusca e está abraçando a do Enderson”, disse Chay, em entrevista ao site “GE”.

O camisa 14 do Botafogo ainda viu evolução da equipe em diversos aspectos.

“Acho que o comprometimento a gente sempre teve. A gente começou a acertar algumas coisas que não estávamos acertando nos jogo. Melhoramos na nossa parte defensiva, tivemos mais atenção nos jogos, estamos fazendo gols que naturalmente a gente vinha fazendo mas eu acho que é a parte defensiva. Isso em conjunto. Não digo só o setor defensivo mas o grupo todo está bem comprometido ali de ter atenção até o final dos jogos e com isso os resultados estão vindo”, complementou.

Fonte: O Dia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui