Cúpula do futebol do Botafogo teria se desentendido devido a reforços; vice geral nega

0
51

A temporada de 2021 trouxe muitas mudanças para o Botafogo dentro e fora de campo. Muitos jogadores chegaram, dirigentes assumiram funções e em meio a resultados negativos, as críticas acabam acontecendo. De acordo com informações do portal “UOL”, a contratação dos reforços alvinegros teria gerado um desentendimento entre membros da cúpula do futebol do Glorioso.

Segundo o portal, o CEO, Jorge Braga, passou a cobrar explicações sobre os reforços ao diretor de futebol Eduardo Freeeland, o que teria gerado um desconforto. As cobranças teriam travado as contratações que estavam adiantada para a disputa da Série B.

Até o momento, o Botafogo acertou a contratação de 12 jogadores para a disputa da temporada: Douglas Borges, Jonathan, Gilvan, Joel Carli, Rafael Carioca, Ricardinho, Pedro Castro, Matheus Frizzo, Marcinho, Felipe Ferreira, Marco Antônio e Ronald.

As cobranças teriam causado um clima ruim e Freeeland poderá perder sua autonomia. Uma ruptura não está descartada. Jorge Braga promete investir e qualificar o departamento de análise de mercado para avaliar melhor as contratações.

Apesar das informações do portal, o vice geral do Botafogo, Vinicius Assumpção, declarou nas redes sociais que não há qualquer problema envolvendo os nomes fortes do futebol alvinegro. “Quero afirmar que isto não existe e que TODA equipe está unida e imbuída no processo de reformulação interna do clube. A quem interessa isso?”, postou Vinicius Assumpção no Twitter.

Fonte: O Dia

FalaGlorioso.Club | Loja com mais de 100 Produtos do Botafogo. Acesse!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui