Jogos no Nilton Santos geraram R$ 2,7 milhões em prejuízo ao Botafogo em 2020

0
30

Mesmo antes da pandemia do Covid-19 afetar o mundo inteiro e fazer com que os jogos de futebol não pudessem ter a torcida nos estádios, o Botafogo já estava tendo prejuízo como mandante. O ganho financeiro não estava compensando os gastos do clube carioca.

De acordo com levantamento feito pelo site “Globoesporte.com”, durante a temporada, o Alvinegro teve que pagar R$ 2,7 milhões para poder jogar em seu estádio, o Nilton Santos. O custo foi menor do que nos últimos dois anos, onde as despesas foram de R$ 14 milhões em 2019 e R$ 11,4 milhões em 2018. Mesmo assim, antes do inicio da pandemia, os lucros do estádio também não compensou.

Como a torcida não compareceu em peso nos jogos do Glorioso no seu estádio, o prejuízo durante o campeonato Carioca foi de R$ 941,704,41. Sendo a partida contra o Resende, o jogo com presença de público, que mais deu defasagem monetária (R$ 275.705,82).

Curiosamente, o lucro só aconteceu em partidas em que o clube atuou como visitante.

Como os regulamentos do Carioca e da Copa do Brasil tem regras diferentes quanto ao custeio dos jogos (que é dividido com os rivais nos clássicos) e também a arrecadação (parte da verba vai para o visitante). O clássico contra o Flamengo foi a partida em que o lucro foi maior, R$ 250 mil, no estadual. Já na Copa do Brasil, a parte conquistada da arrecadação foi de R$ 16 mil, toda essa em jogos fora de casa, contra o Caxias e o Náutico.

Fonte: O Dia

FalaGlorioso.Club | Loja com mais de 100 Produtos do Botafogo. Acesse!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui