Mais sócios, novos parceiros e internacionalização da marca: Honda mexe com o Botafogo

0
2246

O efeito Keisuke Honda mexeu com as estruturas não só da torcida do Botafogo, mas fez com que o clube se organizasse internamente para aproveitar a imagem do ídolo japonês. Números referentes ao último mês comprovam que a contratação vai além das quatro linhas. Por isso, novas ações têm sido planejadas para que o Alvinegro colha frutos com a ajuda do meia de 33 anos.

O novo olhar do departamento de marketing começou já na recepção de Honda no aeroporto do Galeão, no dia 7 de fevereiro, quando, em parceria com a Brahma, foram distribuídas faixas de cabeça e bandeiras para os torcedores. A marca ainda fabricou latas de cerveja especiais para o evento de apresentação do japonês no dia seguinte.

Na apresentação, aliás, já foi perceptível que a vinda do meia poderia colocar o Botafogo em um nível mais acima. Com cerca de 13 mil pessoas no estádio e mais de 100 jornalistas, sendo metade ou japoneses ou de agências internacionais, o Alvinegro teve um sábado de notória visibilidade. O clube ainda fechou parcerias pontuais com as empresas Nipo Brasileira e Sushi Rão, que ainda conversam para futuros acordos.

Produtos temáticos

A primeira ação do marketing alvinegro em parceria com a Kappa foi a produção de camisas personalizadas com o nome de Honda em japonês, o número 4 e as bandeiras do Brasil, Japão e do Botafogo.

A aceitação foi muito boa e, já na primeira semana, a venda de camisas aumentou quatro vezes em relação ao mesmo período anterior.

Agora, o departamento planeja uma linha casual de produtos licenciados do Honda. Para a estreia do jogador, na próxima terça-feira, serão colocados à venda produtos temáticos, como os copos vendidos na apresentação. Na ocasião, mais de mil acessórios foram comercializados.

Para o público japonês

O Botafogo entende que uma aproximação com a comunidade japonesa será fundamental para a internacionalização da marca, por isso já fez visitas aos consulados no Rio de Janeiro e em São Paulo, lugar com mais japoneses fora do Japão. Eventos estão sendo planejados para a capital paulista.

Outra iniciativa será o lançamento de um hotsite em japonês com as notícias do clube ligadas ao Honda para facilitar o acesso do público. Além disso, o Botafogo fará parcerias, junto com a Kappa, para vender camisas no Japão.

O departamento de marketing vislumbra ainda uma parceria com agências de viagem, permitindo às pessoas que vêm do Japão para o Rio de Janeiro atrelarem suas visitas a um tour pelo Estádio Nilton Santos, com a possibilidade de assistirem a um jogo e até mesmo encontrarem com o Honda.

Salto no número de sócios

“O que o torcedor está fazendo está ajudando o Botafogo a buscar novos parceiros”, disse uma pessoa de dentro do clube. A torcida foi a maior responsável pela negociação com o Honda ter ido adiante e se concretizado. E não parou por aí. Os alvinegros abraçaram o time e fizeram o número de sócios-torcedores aumentarem em 50% em um mês.

Antes da negociação com Honda, o número estava estacionado nos 21 mil sócios. Agora, já são mais de 32 mil, o que foi influenciado também pelas conversas com Yaya Touré.

O efeito Honda, inclusive, fez o Botafogo repaginar e melhorar o programa de sócios na parte técnica e de absorção. Nos próximos dias, o site vai ser repaginado, e o Honda vai aparecer como garoto propaganda. A página estará mais intuitiva e inteligente, com um layout atrativo, e o processo de se tornar sócio será mais rápido.

Patrocínios

Além das parcerias pontuais firmadas desde a chegada do japonês, o departamento comercial está aproveitando a imagem de Honda para buscar patrocínios. Várias empresas estão sendo visitas tendo o meia como principal atrativo. O vice-presidente de marketing e quem ajudou na negociação com o jogador, Ricardo Rotenberg, está liderando as ações e trabalha com empresas grandes.

Redes sociais e mídia espontânea

A contratação de Keisuke Honda fez também com que o Botafogo melhorasse sua comunicação institucional, e as redes sociais do clube bombaram no último mês. A começar pelo vídeo de anúncio do japonês, que teve quase 5 milhões de acessos somente no Twitter.

Outro fato comemorado pelo clube é a visibilidade na mídia. Espera-se resultados expressivos a partir dos dados do primeiro mês de Honda no Botafogo. O Alvinegro, antes centro de assuntos como crises econômica e política, tem ganhado bastante agenda positiva.

Fonte: GE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui