Marcelo Chamusca pede urgência e diretoria do Botafogo busca por reforços

0
41

O técnico Marcelo Chamusca não esconde sua preocupação com a falta de reforços para dar mais experiência do time do Botafogo. Como o elenco atual tem média baixa – 24 anos -, o treinador tenta “encorpar” a equipe. O Torcedores.com apurou que o treinador pediu à diretoria a contratação de um centroavante experiente.

A baixa idade dos atacantes alvinegros vem preocupando a comissão técnica ao projetar a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. A princípio, Marcelo Chamusca tem os jovens Gabriel (19) e Matheus Nascimento (17) à disposição no elenco para desempenhar o papel no “camisa 9” clássico.

O jogador mais velho disponível para exercer a função de centroavante é Rafael Navarro. Ele tem 21 anos e foi contratado pelo Botafogo em 2020. À primeira vista, o atleta não tem o perfil que o treinador deseja para ser o goleador da equipe. Ele tem passagens por Athletico Paranaense e Fluminense onde também não se destacou.

Devido à falta de um centroavante mais rodado, Marcelo Chamusca tem interesse na contratação de Anselmo Ramón. Por outro lado, a Chapecoense exige o pagamento da multa rescisória estipulada em R$ 1 milhão para liberar o atleta. O Torcedores.com revelou o interesse alvinegro no atleta de 32 anos.

Diretoria avalia o mercado

Diante da falta de recursos para realizar uma grande contratação, o Marcelo Chamusca solicitou a chegada Hernane Brocador, atualmente no Sport e fora dos planos da diretoria rubro-negra. O artilheiro tem contrato com o Leão da Ilha até dezembro de 2022. No entanto, o clube pernambucano não irá criar dificuldades para liberar o atleta.

Além do ex-jogador do Flamengo, Marcelo Chamusca avalia outros dois nomes apresentados pela diretoria alvinegra: Rafael Moura e Fernandão. Ambos estão disponíveis no mercado após serem dispensados pelo Goiás. O primeiro ganhava R$ 100 mil por mês, enquanto o segundo tinha vencimentos na casa de R$ 150 mensais.

Rafael Moura foi oferecido pelo empresário Francis Mello ao diretor executivo de futebol Eduardo Freeland. Segundo apurou o Torcedores.com, o jogador estaria disposto a se enquadrar na realidade financeira do Botafogo para poder voltar a atuar. Já Fernandão teve o nome apresentado por Eduardo Uran, que tem boa relação com os dirigentes alvinegros.

Fonte: Torcedores.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui