Matheus Babi supera Abner e Aguilar e vira a contratação mais cara da história do Athletico

0
48
babi

Apesar de ainda nem ter sido anunciado oficialmente, Matheus Babi já está na história do Athletico. O Furacão pagará, ao todo, R$ 12 milhões por 70% dos direitos econômicos do atacante. Com isso, Babi vai superar Abner e Felipe Aguilar e será a contratação mais cara dos 97 anos do clube.

Em julho de 2019, o Athletico contratou o lateral-esquerdo Abner, ex-Ponte Preta, por R$ 10 milhões. E, em março de 2020, o clube fechou com o zagueiro Felipe Aguilar, ex-Santos, também por R$ 10 milhões, mas por “apenas” 50% dos direitos econômicos. 

No caso de Matheus Babi, o Athletico pagou R$ 9 milhões por 70% dos direitos econômicos – os outros 30% permanecem com o Serra Macaense. Mas, além disso, o Furacão desembolsou R$ 3 milhões à vista para o Botafogo, com quem o atacante tinha contrato até dezembro. 

A tendência é que Matheus Babi assine o contrato com o Athletico nesta terça-feira e, aí sim, seja anunciado oficialmente. O contrato dele com o Furacão será válido até 2025

Para o setor ofensivo, o técnico António Oliveira conta com nomes como Nikão, Vitinho, Carlos Eduardo e Renato Kayzer – apenas o último é centroavante. O time principal disputará Copa Sul-Americana, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil nesta temporada. 

Contratações mais caras do Athletico

  • Matheus Babi: R$ 12 milhões por 70% dos direitos econômicos
  • Felipe Aguilar: R$ 10 milhões por 50% dos direitos econômicos
  • Abner: R$ 10 milhões por 100% dos direitos econômicos
Matheus Babi, ex-Botafogo, vira a contratação mais cara da história do Athletico — Foto: Vitor Silva/Botafogo

Matheus Babi, ex-Botafogo, vira a contratação mais cara da história do Athletico — Foto: Vitor Silva/Botafogo

Fonte: ge

FalaGlorioso.Club | Loja com mais de 100 Produtos do Botafogo. Acesse!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui