O que esperar do Botafogo quando o futebol retomar

0
467
Em um período de pandemia mundial, quando as únicas partidas de futebol que se pode acompanhar, são reprises de campeonatos passados, não resta muito ao torcedor se não rezar pra que tudo isso se normalize, para que tenhamos a condição de assistir ao nosso Glorioso o quanto antes. Como não temos ainda uma perspectiva de retomada dos campeonatos, fico eu aqui pensando o que esperar do Botafogo quando a bola voltar a rolar. 

Na última partida disputada pelo clube no dia 15 de março, diante do Bangu no Estádio Nilton Santos, pudemos testemunhar um panorama diferente e um astral renovado com a estreia do japonês Honda. Mesmo ainda não estando no melhor da sua forma física, a principal contratação do clube na temporada, provou em poucos minutos que veio pra somar ao grupo. Com passes cirúrgicos e boa movimentação, o asiático reacendeu as esperanças no torcedor alvinegro por um ano superior ao que tivemos em 2019. 

Ainda que o time atual seja bastante similar ao do ano passado na composição dos titulares, na prática o que se vê, é um grupo com mais respaldo técnico, sobretudo pela entrada de duas peças no setor ofensivo. A chegada do centroavante Pedro Raúl e principalmente do meia Bruno Nazário, suprem uma lacuna, que estava aberta a muito tempo em General Severiano. A criação das jogadas e o arremate final teve um upgrade considerável, com a entrada destes dois reforços ao time. A evolução do garoto Luis Henrique também tem contribuído para o aumento da nossa produção ofensiva, muito embora, o jovem ainda precisa amadurecer na tomada de decisões, fato que deve ocorrer naturalmente com o passar do tempo. Em fase de adaptação, o equatoriano Gabriel “Loco” Cortês é outro que pode agregar e muito no ataque da equipe. 

Somando tudo isso a entrada do Honda ao time, o torcedor botafoguense tem sim motivos para esperar um 2020 sem sustos e quem sabe até com alguma surpresa positiva na Copa do Brasil e na disputa por vaga na Taça Libertadores. Entretanto, dois agravantes podem impedir o sucesso do glorioso neste ano se não solucionados rapidamente. O primeiro medo que a torcida já percebeu e se manifestou nas arquibancadas nos últimos jogos, foi para o péssimo condicionamento físico do grupo, que tem sucumbido na etapa final das partidas. Com boas exibições no primeiro tempo, o time do técnico Paulo Autuori tem decaído demais após o intervalo e facilitado à vida dos seus rivais, como ocorreu nos confrontos diante do Paraná, Flamengo e Bangu. 

Outro fator que também preocupa o torcedor é o baixo nível técnico dos jogadores disponíveis nas laterais. Fernando e Barrandeguy pela direita e Danilo Barcelos e Guilherme Santos na esquerda, tem mostrado ser hoje a principal vulnerabilidade da equipe quando atacado pelos lados do campo. Marcinho que se recupera de lesão, mesmo não sendo unanimidade nas arquibancadas é de longe nosso melhor jogador da posição, e, portanto, precisa retornar logo. 

Menos preocupante, mas uma posição que também precisa ser revista pelo departamento de futebol é o parceiro de zaga do Marcelo Benevenuto. Desde a saída de Gabriel, que retornou ao Atlético MG, a posição está carente e tem alternado entre o garoto Kanu, o recém-chegado Ruan Renato, e o experiente Carly, que não é mais o mesmo de outros carnavais. Creio até, que uma saída do argentino seja o melhor cenário a acontecer para preservar sua imagem e seus bons serviços prestados ao clube nos últimos anos. 

A realidade caros amigos é que estamos perto de ter o elenco mais equilibrado, com o maior recurso técnico dos últimos anos. Faltam às questões mencionadas acima a serem superadas, é claro, mas creio que isto seja perfeitamente possível de se alcançar. Então, o que eu espero do Botafogo quando o futebol retomar, é um time competitivo, que vai incomodar muita gente, que deve chegar ao mínimo nas quartas-de-finais da Copa do Brasil e que no Brasileirão certamente ficará entre os dez primeiros colocados. Isso é o que eu espero, analisando friamente o que temos à disposição e comparando com nossos rivais. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui