Prefeitura do RJ dá a sua palavra final e define se haverá torcida não Carioca

    0
    80

    O Flamengo recebeu resposta negativa da Prefeitura do Rio de Janeiro quanto à possibilidade da disputa do segundo jogo da final do Campeonato Carioca de 2021 com a presença de torcedores no Estádio do Maracanã. Para o confronto de ida, que acontece neste sábado (14), o pedido já havia sido indeferido. Restava a expectativa, com apoio da Ferj, de uma liberação para o confronto da volta, o que não aconteceu.

    Em nota divulgada publicamente, a Secretaria de Saúde da cidade do Rio de Janeiro informou que o requerimento feito por Flamengo e Ferj não constava com os detalhes dos protocolos sanitários que seriam utilizados para frear provável contaminação pelo coronavírus, não havendo um plano de ação devidamente construído e fundamentado para tal.

    Várias reuniões foram realizadas nos últimos dias entre a Ferj e representantes dos grandes clubes do Rio de Janeiro. O Flamengo queria a liberação para a presença de torcida nos jogos finais do Campeonato Carioca, na casa dos 30% de capacidade. Enquanto isso, Fluminense, Vasco da Gama e Botafogo mantiveram-se contrários, alegando a crise instaurada pela pandemia, a qual ainda se faz presente.

    Por conta disso, não há outras maneiras de contornar o decreto da Prefeitura do Rio de Janeiro que impede a presença de torcedores nos estádios e em ginásios esportivos. Por conta disso, os dois confrontos entre Flamengo e Fluminense acontecerão com os portões fechados, sendo o primeiro deles disputado a partir das 21h30 deste sábado.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui