Rafael explica carinho com o Botafogo e elege melhor equipe dos últimos anos

0
41

Contratado no início do mês, Rafael finalmente realizou seu sonho de infância e vestiu a camisa do Botafogo como jogador profissional. O lateral-direito fez seu primeiro jogo na vitória sobre o Sampaio Corrêa, no último domingo, por 2 a 0. Em entrevista ao programa “SBT Sports Rio”, o novo camisa sete do Alvinegro mostrou felicidade com o momento.

“Sensação maravilhosa, é um sonho realizado poder vestir essa camisa. Não tem nem como explicar. Imaginei jogar no Botafogo, mas vestindo essa camisa 7, do Túlio Maravilha, Dodô, Jairzinho, Garrincha, tantos outros…”, disse Rafael.

Apesar de ter sido negociado quando jogava pelo Fluminense, o lateral-direito lembrou que seus primeiros toques na bola foram com a camisa do Botafogo, ainda como jogador de base no futsal.

“Comecei na verdade no salão do Botafogo, mas como Xerém é muito mais perto de Petrópolis (cidade dele), e tínhamos dado a palavra ao Sr. Ênio, que era diretor da época, tínhamos feito um teste lá, optamos por ir para o Fluminense”, disse o novo lateral-direito, explicando seu carinho com o clube da estrela solitária.

“Meu pai é botafoguense, a família dele é quase toda botafoguense. Eu e meu irmão escolhemos ser botafoguenses.

“E como um bom torcedor, Rafael, claro, acompanhou os últimos anos do Alvinegro e viu muitos jogadores que tiveram destaque. O novo xodó do torcedor Alvinegro elegeu a melhor equipe que viu jogar e revelou um carinho especial por um grande artilheiro do Botafogo.

“O time que eu mais gostei de acompanhar era o da época de Lucio Flavio, Dodô, Zé Roberto… Eu estava empolgado. Quando o Seedorf chegou também, claro, mas eu já estava jogando na Europa. Todos falam do Túlio, que é um ídolo, mas eu era muito pequenininho. O maior jogador, que eu mais gostei de ver jogar, foi o Dodô”, revelou.

O Botafogo volta a campo nesta quarta-feira (29), contra o Vitória, no Barradão. Rafael foi poupado do duelo para melhorar a parte física visando o confronto contra o Avaí, no sábado (2/10), no Estádio Nilton Santos.

Fonte: O Dia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui