Rival: Pachequinho será o treinador do Coxa contra o Botafogo

0
79

Candidato à reeleição, Samir Namur pretendia se licenciar do cargo de presidente do Coritiba na reta final da campanha, mas foi convencido a permanecer no cargo pelos outros quatro integrantes do G5, o conselho administrativo do clube. Na mesma conversa, Samir definiu que Pachequinho, hoje auxiliar-técnico, vai ser o treinador até a eleição, que está marcada para o dia 29. Ou seja, Pachequinho (foto) orienta o time em duas rodadas da Série A do Campeonato Brasileiro: no próximo sábado (19), diante do Botafogo, às 21h, no Estádio Couto Pereira; e no sábado seguinte (26), contra o Atlético Mineiro, às 17h, no Mineirão, em Belo Horizonte.

Pesou nesta decisão o fato de que, se não for reeleito, Samir tem somente mais duas semanas como presidente. Haveria o risco de um técnico ser contratado agora e ser demitido já no final do mês, em caso de vitória de um dos dois candidatos de oposição: João Carlos Vialle ou Renato Follador.

A votação vai ser online, entre 10h e 16h, e a posse acontece no dia seguinte ao pleito (30). O eleito para o triênio 2021/2023 pega um time que terá entre janeiro e fevereiro onze jogos para tentar escapar do rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro (hoje, é o 18º colocado entre os 20 da Série A). A tabela de 2021 inicia no dia 6, quando o alviverde vai receber o Goiás, às 20h30, no Couto Pereira.

Fonte: CBN Curitiba

FalaGlorioso.Club | Loja com mais de 100 Produtos do Botafogo. Acesse!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui