Situação financeira do Bota preocupa Montenegro

0
80

O Botafogo faz sua pior campanha na história do Campeonato Brasileiro na era dos pontos corridos. Além disso, está prestes a confirmar o rebaixamento à segunda divisão pela terceira vez em 20 anos.

Com aproveitamento de apenas 24% dos pontos em 32 rodadas, o Alvinegro atual tem marca pior aos índices dos rebaixados em 2002 (33,3%) e 2014 (29%).

O ex-presidente Carlos Augusto Montenegro participou ativamente da administração do futebol do clube em 2020 na gestão de Nelson Mufarrej, como membro do agora extinto Comitê Executivo de Futebol. Em contato com o jornal “Meia Hora”, Montenegro prevê dificuldades para o Botafogo à frente.

“Total falta de dinheiro. Deve piorar ainda mais. Prefiro não falar”, disse o ex-dirigente.

Sobre as críticas que o Comitê Executivo tem recebido pela condução do futebol alvinegro, Montenegro disse concordar com algumas. Ele, entretanto, afirmou não estar mais participando da gestão atual.

“Estou totalmente fora. Algumas críticas merecidas, outras não”, finalizou.

A principal consequência do virtual rebaixamento da equipe será uma reformulação do futebol. Jogadores com salários mais altos, portanto, devem deixar o clube. Nomes como os goleiros Gatito Fernández e Diego Cavalieri, e o atacante Salomon Kalou encabeçam a lista.

Outros que não devem permanecer são o técnico Eduardo Barroca e o gerente de futebol Túlio Lustosa.

Caso Kanu – Ao que parece, o zagueiro Kanu vai permanecer no Botafogo. Segundo o “TYC Sports”, os alvinegros rechaçaram a proposta do Cruz Azul-MEX pelo jogador.

O clube mexicano buscava o empréstimo do defensor com a opção de compra. No entanto, o Glorioso queria uma garantia, na base de metas, para que o Cruz Azul fosse obrigado a comprar os direitos do atleta.

A negociação não evoluiu e, a princípio, está parada. Um dirigente destacou que os valores oferecidos pelos mexicanos também não agradaram aos cariocas. “Hoje, a negociação não vai adiante. O Cruz Azul oferece muito abaixo do que nós pretendemos”, disse a publicação.

A proposta do Cruz Azul era de US$ 400 mil (R$ 2,2 milhões) pelo empréstimo de Kanu até o fim de novembro. O clube teria duas opções de compra: US$ 3,2 milhões (R$ 17,5 milhões) até 1º de julho e R$ 4 milhões (R$ 21,9 milhões) no fim do contrato.

Com a paralisação das negociações, o zagueiro participou normalmente no clássico contra o Fluminense e segue treinando com o elenco alvinegro na reta final do Campeonato Brasileiro.

Fonte: O Flu

COMO FOI A ENTREVISTA COLETIVA DE EDUARDO FREELAND | CLIQUE, ASSISTA E SE INSCREVA.

FalaGlorioso.Club | Loja com mais de 100 Produtos do Botafogo. Acesse!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui