Temporada 2022, possível saída de Navarro e físico: o planejamento do Botafogo com Fernandão

0
167

Alvo do Botafogo desde o começo da temporada, Fernandão se aproximou de um acerto e pode ser anunciado como reforço do clube ainda essa semana. O atacante de 34 anos é visto como uma contratação visando “curto-médio prazo” no Estádio Nilton Santos.

Fernandão foi pego no exame antidoping pela utilização de uma substância proibida para emagrecer na temporada passada, quando estava no Goiás. Mesmo assim, terminou a temporada atuando no Esmeraldino e, inclusive, foi um dos destaques do Alviverde, rebaixado naquela ocasião, na competição.

O atacante continuou jogando porque a punição só poderia ser dada – se acontecesse – após um julgamento. O pleito, contudo, não foi marcado até hoje. Ou seja, Fernandão, teoricamente, está liberado para atuar. O Botafogo, porém, quer “risco zero” na contratação: só pretende utilizá-lo em novembro, quando já não houver nenhuma chance de punições surgirem.

O Botafogo terá seis compromissos na Série B em novembro – Confiança, Vasco, Ponte Preta, Operário, Brasil de Pelotas e Guarani. Com um torneio em reta final, Fernandão é um nome pensando já na próxima temporada.

Vale lembrar que Rafael Navarro, atual titular de Enderson Moreira, não deve ficar no Botafogo. O camisa 99, com contrato apenas até dezembro, não chegou a um consenso com o Alvinegro e deve deixar a instituição assim que o tempo do vínculo for encerrado. Rafael Moura, reserva da posição, também não tem futuro garantido.

Dirigentes, portanto, pensam já na temporada 2022 e tentam evitar uma dor de cabeça no possível substituto de Rafael Navarro. O atacante de 34 anos, apesar de dividir opiniões internas por conta da questão do doping, está na “lista de alvos” do clube há meses.

Como não joga desde o dia 25 de fevereiro, na última rodada do Brasileirão de 2020/21, Fernandão passaria as próximas semanas focadas em recuperar a forma física. Como não pode atuar oficialmente, teria tempo para tal. Este é outro motivo que causa dúvida na contratação, já que o Alvinegro, com pouco dinheiro, pagaria um jogador “apenas” para treinar durante dois meses.

Em termos financeiros, o salário do atacante durante este período apenas focados em treinos será baixo. O valor vai aumentar para a “realidade” do atleta na próxima temporada, mas ainda dentro das cifras que o clube pode pagar. O Botafogo tenta viabilizar a questão.

Fonte: Terra

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui